oliveira da eurídice

oliveira da eurídice

Monday, April 05, 2010

DA IMPERFEIÇÃO DOS VASOS
(e outros recipientes)


- Soube que o teu vaso fez anos. Quando pensa trocá-lo?
- Trocar de vaso? Não estava a pensar fazer tal coisa, mas por que perguntas? Não te parece bem o que tenho agora?
- Não me parece mal, por agora. Mas daqui a uns tempos esse há-de ficar pequenino, ou não?
- Já tenho este vaso há algum tempo, oliveira. Bem estimado ainda dura uns anos. E eu não vou crescer mais.
- Se o estimasses bem, a conversa era outra. E como não vais crescer mais? Então para que são esses livros todos? 
- Decoração, essencialmente.
- Realmente está bonita, a casa. Mas vais trocar o meu vaso, não vais?




Este Verão, a oliveira da eurídice muda de vaso. E a eurídice vai ter mais cuidado com o vaso dela, que também se parte. 

1 comment:

APS said...

Nunca se sabe o que uma planta pensa nas noites daquele silêncio todo verde que vai até às profundezas da terra...Eu também acho que é melhor fazer-lhe a vontade, não vá o diabo tecê-las...